A PALAVRA SEMPRE SERÁ O REFERENCIAL


“Naquela época não havia rei em Israel.” Juízes 18-1 e 19-1

Fico pensando em quantas decisões erradas tomei na vida simplesmente pelo fato de que na verdade eu não sabia qual era a vontade de Deus para minha vida, não porque não a tivesse, mas porque não a buscasse e em muitos casos não a respeitasse, aceitando-a e cumprindo-a, como prova de submissão e obediência.
Mas eu não sou a única pessoa na história que já fez isso e também não sou o único que sofreu as conseqüências ruins das erradas escolhas que ao longo da vida abracei. A bíblia mostra um momento importante na vida do povo de Deus que também sofreu grandemente pelo simples fato de ter escolhido a sua própria vontade e não a de Deus. O relato desses dois capítulos nos mostra dor, morte, sofrimento, separação, assassinato, mentira, egoísmo e uma seqüência trágica de fatos que revelam a inteireza do caráter humano quando distante de Deus.
Tudo isso por quê? Porque “naquela época não havia rei em Israel”. Esse versículo não parece ter muito o que dizer, mas é de uma profundidade muito grande. O povo, depois de Moisés e Josué, começou a ser guiado pelos Juízes que traziam de Deus a palavra, a direção. Até então, não havia um Rei que lhe conduzisse e a ausência dele causou-lhe a vontade de, então, tomar suas próprias decisões.
A bíblia diz que sem profecia o povo se corrompe. E foi exatamente isso que aconteceu na vida dos israelitas. Não que não existisse uma palavra de Deus. Sempre houve a direção divina para o seu povo, mas naquela época eles preferiram agir por conta própria a ouvir a santa palavra. O resultado é o que se lê no restante dos dois capítulos.
Sempre nos corromperemos quando não tivermos uma palavra de Deus para nossas vidas; tomaremos decisões erradas guiadas pelo nosso egoísmo; abraçaremos causas tortas enquanto faltar a orientação de Deus; andaremos em caminhos errados enquanto não houver a profecia do alto; quebraremos a cara enquanto não acontecer uma direção divinas.
Até quando andaremos sem o norte de Deus, não pelo fato de que Ele não esteja sinalizando, mas porque estejamos endurecendo os ouvidos e fechando os olhos? A bíblia diz que NAQUELA ÉPOCA... Até quando será também a nossa época de tomar as nossas próprias decisões? Até quando caminharemos o percurso das nossas próprias escolhas? Até quando teremos o cinismo de achar que tudo está bem, quando na verdade  tudo vai tão mal, mas que não queremos assumir? Até quando seremos falsos conosco mesmos para não admitir que já estamos cansados de bater com a cara na parede e ir contra a vontade de Deus para nossas vidas? Até quando iremos de encontro ao plano que Ele tem para cada um de nós?
Se você está no caminho e tem convicção de que está indo na direção certa, amém. Mas se não, seja sincero consigo e evite maiores tragédias na sua vida. Porque a vontade de Deus é perfeita e andando nela poderemos estar nos guardando de sérios e talvez mortais laços do inimigo contra nossas vidas.
Em Cristo, que deseja nunca nos deixar sem a escolha da decisão correta.

Jahilton Magno
São Luis, 12.07.10

magnopoema@hotmail.com
jahiltonmagno@yahoo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

VOCÊ FOI EDIFICADO? DEUS FALOU AO SEU CORAÇÃO? FAÇA UM COMENTÁRIO PARA QUE OUTRAS PESSOAS SAIBAM!